Histórico de edições

(43)
há 5 meses
Considerar Jesus como uma pessoa que está sendo "ofendida" é um argumento contra a acusação de vilipêndio. Quem elegeu os cristãos para falarem em nome de Jesus, a pessoa? Quem são eles para alegarem
há 5 meses
Nem demorou tanto...
Comentou o documento Em defesa do Porta dos Fundos
há 5 meses
Nem demorou tanto...
há 5 meses
Uma medida censora e inconstitucional foi tomada, mas será derrubada nos tribunais superiores. Eu não estou errado. Essa censura não vai durar muito tempo.
há 1 ano
Particularmente, já fui membro PRO do Jusbrasil. Cheguei a conseguir clientes como PRO, e então veio a questão dos créditos. Realmente, 3 créditos é muito pouco, na minha opinião, pois muitos dos
há 1 ano
Particularmente, já fui membro PRO do Jusbrasil. Cheguei a conseguir clientes como PRO, e então veio a questão dos créditos. Realmente, 3 créditos é muito pouco, na minha opinião, pois muitos dos
há 3 anos
Um excelente artigo, Juliane. Faço apenas uma ressalva. Embora seja, obviamente, mais comum, e em função de vários fatores históricos e sociais, que o genitor pratique o abandono afetivo, há cada vez
há 3 anos
Um excelente artigo, Juliane. Faço apenas uma ressalva. Embora seja, obviamente, mais comum, e em função de vários fatores históricos e sociais, que o genitor pratique o abandono afetivo, há cada vez
há 3 anos
Um excelente artigo, Juliane. Faço apenas uma ressalva. Embora seja, obviamente, mais comum, e em função de vários fatores históricos e sociais, que o genitor pratique o abandono afetivo, há cada vez
há 3 anos
Um excelente artigo, Juliane. Faço apenas uma ressalva. Embora seja, obviamente, mais comum, e em função de vários fatores históricos e sociais, que o genitor pratique o abandono afetivo, há cada vez
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres

Outros advogados em Balneário Camboriú (SC)

Carregando

Rodrigo Avellar

Rua Paranaguá, 450 - apto. 1202 - Londrina (PR) - 86020-030

Entrar em contato